Métodos de Barreira - Pharmaceuticals


Métodos de Barreira

Preservativo ou Condom

É uma cobertura de látex muito fina que deve ser colocada sobre o pênis em ereção antes da penetração na vagina, durante o ato sexual. O preservativo evita que o esperma atinja a vagina. Alguns preservativos são cobertos por uma substância espermaticida, que ajuda a inativar os espermatozoides. É imprescindível que se utilize sempre um preservativo novo a cada relação sexual, sendo que cada um deve ser utilizado apenas uma vez. O índice de eficácia depende da forma como é utilizado (60-80%). A prescrição médica não é necessária.

Vantagens

  • Protege contra as Doenças Sexualmente Transmissíveis;
  • É praticamente o único método contraceptivo amplamente disponível para os homens;
  • Não requer supervisão médica;
  • Preferido para relações esporádicas.

Desvantagens

  • Sua eficácia depende de como é utilizado;
  • Pode se romper;
  • Pode provocar irritações pelo atrito durante o coito;
  • Tem efeito psicológico negativo sobre o ato sexual e/ou diminuição da sensibilidade.

Qual o método contraceptivo ideal para você?



Diafragma

É um disco flexível de borracha com anéis metálicos flexíveis que, colocado no interior da vagina, impede que os espermatozoides cheguem ao útero. Pode ser usado impregnado por uma camada de espermaticida.

O índice de eficácia chega a 85%. Somente o médico ginecologista poderá prescrever o diafragma, indicando o tamanho adequado para cada usuária, após o exame ginecológico e verificação de determinadas condições (por exemplo, medida do diâmetro vaginal) e explicando como deve ser usado.

Vantagens

  • Pode ser colocado várias horas antes do ato sexual;
  • É útil quando as relações sexuais são esporádicas;
  • Protege contra algumas doenças de transmissão sexual;
  • Proporciona alguma proteção contra o câncer do colo uterino;
  • Pode ser usado no período pós-parto.

Desvantagens

  • Requer grande envolvimento e dedicação da usuária, especialmente em relação às condições de higiene;
  • Requer também treinamento específico da usuária, para que seja utilizado corretamente;
  • Exige ainda que a usuária tenha ou adquira certo conhecimento dos órgãos genitais;
  • Não protege contra a AIDS e as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST).

Esponja

É uma esponja de poliuretano impregnada com uma substância química, o que aumenta seu efeito contraceptivo. Deve ser colocada na profundidade da vagina para que cubra completamente o colo do útero.

O índice de eficácia é de 85%. Não é necessária prescrição médica, mas exige explicações médicas iniciais e certo conhecimento dos órgãos genitais.

Vantagens
  • Proteção duradoura de até 24 horas;
  • Não requer tempo de espera para o início do efeito contraceptivo, depois da colocação;
  • É fácil de usar;
  • Não requer a associação de outros agentes espermaticidas.
Desvantagens
  • Requer algum treinamento da usuária para correta utilização, especialmente em relação à colocação e retirada;
  • Pode provocar lesões vaginais se não permanecer no local adequado;
  • Se for deixado por longo tempo, pode causar odores desagradáveis;
  • Não protege contra a AIDS e as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST).

Espermaticidas

São produtos que combinam uma substância química espermaticida com uma base de gel, creme, óvulos, espumas ou comprimidos vaginais que se dissolvem na vagina para inativar os espermatozoides.

O índice de eficácia chega a 63%. Não é necessária a prescrição médica, mas requer esclarecimentos médicos mínimos.

Vantagens

  • Fácil de usar;
  • Protege contra algumas doenças de transmissão sexual (DST);
  • Úteis no caso de relações sexuais pouco frequentes;
  • Aumentam a eficácia de outros métodos de barreira (por exemplo, quando usado junto com preservativos).

Desvantagens

  • A aplicação pode ser incômoda para alguns casais;
  • O efeito contraceptivo é de curta duração;
  • Baixo índice de eficácia;
  • Podem provocar irritações genitais;
  • Não protegem contra a AIDS e as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST).

Outros Métodos

Mais informações sobre este tópico:

L.BR.WH.2012-07-23.0828

Ferramentas
.
Guia CLP
Gineco

http://pharma.bayer.com.br/pt/areas-terapeuticas/saude-de-a-a-z/contracepcao/outros-metodos/metodos-barreira/index.php

Copyright © Bayer Pharma AG

close